Translate, traduzir

Filtro religioso

 Livres dos Fardos Religiosos

É praticamente impossível achar uma água totalmente pura, sem nenhum resíduo, sem qualquer microrganismo. Por isso é necessário filtrar a água que bebemos. Da mesma forma, é impossível achar uma religião ou algum pregador religioso que seja totalmente correto. Por isso, precisamos filtrar, religiosamente falando, tudo que vemos e ouvimos no meio religioso.

 

clip_image002[4]

Descrição: Lagoa Saraiva, Parque Nacional de Ilha Grande, entre Paraná e Mato Grosso do Sul. Data: 01/06/2009. Autor: Bioickx. Fonte e licença DP.

 

Chamamos de filtro religioso o ato de examinar todos os elementos religiosos, ficar com o que é bom e descartar o que não presta. É o que recomenda o apóstolo Paulo escrevendo a sua carta aos tessalonicenses: “Não desprezeis as profecias; julgai todas as coisas, retende o que é bom; abstende-vos de toda forma de mal.” [1].

Se você resolver descartar todos os orientadores religiosos e todas as religiões que possuem algum defeito, então irá desprezar todos. Afinal não existe ninguém que seja 100% correto. É tolice achar que existe alguma religião totalmente perfeita. Quantas brigas e divisões há entre as religiões por causa de um simples ponto doutrinário diferente. Muitas vezes uma religião ou pessoa é totalmente desprezada simplesmente porque defende alguns doutrinários diferentes. Pessoas carregadas de bons frutos, por causa disso, são tratadas como hereges.

Não podemos jogar toda água fora porque nela se encontra alguma sujeira. Precisamos filtrá-la, jogar fora a sujeira e ficar com a água.

Muita gente anda dizendo que a Bíblia é perfeita. Quando uma pessoa começa a lê-la com atenção, fica decepcionada após encontrar nela algumas divergências e alguns absurdos. Isso acontece com todos aqueles que acham que a Bíblia é um elemento totalmente divino e não levam em consideração que ela foi escrita, copiada e traduzida por seres humanos. Mas apesar de tudo, ela não pode ser descartada e profanada. Nela encontramos muitas coisas boas e corretas, como as mensagens de Jesus.

As coisas ditas pelos líderes religiosos precisam ser filtradas também. Não podemos acatar tudo sem antes fazer uma análise. Muitas coisas precisam ser deixadas de lado, enquanto muitas outras devem ser aproveitadas. Por exemplo: Devemos descartar a escravização de povos estrangeiros que o grande líder Moisés deixou registrado em Levítico 25:44. [2]. Devemos deixar de lado a pena de morte para o filho contumaz, rebelde e desobediente, que ele deixou em Deuteronômio 21.18-21. [3]. Apesar dos defeitos, qualquer filho ainda pode se recuperar.  Por outro lado, Moisés deixou mandamentos bons como: “Não furtarás. Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.” [4].

Muitas vezes devemos seguir o que muitos ensinam, mas não podemos fazer o que eles fazem. Podemos seguir os diversos conselhos sábios de Salomão registrados no livro dos Provérbios. Mas não podemos arrumar mil mulheres como ele. [5]. Abraão foi um homem de fé, mas não podemos seguir o seu exemplo e ter uma escrava dentro de casa. [6] Também não podemos mandar nossos filhos embora como ele fez com o seu filho Ismael e nem tentar sacrificar um filho, achando que estamos agradando a Deus. [7], [8]. Não podemos matar profetas de outra crença religiosa, como fez o profeta Elias. [9].

Bem disse Jesus se referindo aos escribas e fariseus: “Na cadeira de Moisés, estão assentados os escribas e fariseus. Observai, pois, e praticai tudo o que vos disserem; mas não procedais em conformidade com as suas obras, porque dizem e não praticam. Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem sobre os ombros dos homens; eles, porém, nem com o dedo querem movê-los.” [10]. Observe que ele mandou aproveitar seus ensinos e desprezar suas obras.

Eu não sou Deus, por isso apesar da minha boa intenção e do meu zelo, as minhas mensagens também podem conter muitas falhas. Você não deve abandoná-las por causa disso. Aprenda a retirar delas o que é perfeito deixando de lado aquilo que achar imperfeito.

Chegou a hora de você aprender a filtrar os elementos religiosos que aparecem na sua frente. Você precisa conhecer o verdadeiro evangelho original de Jesus. Precisa comparar tudo e descartar o que ele não ensinou, não mandou praticar e abraçar o que realmente é necessário, de acordo com que ele ensinou. Estamos aqui para lhe ajudar nesse sentido.

Não se iluda com os grandes pregadores, com as grandes religiões, com os best-sellers religiosos como a Bíblia. Aprenda a examinar tudo com calma e bom senso. Retire o que realmente é bom e deixe de lado o que é ruim e que não edifica. Não “engula” tudo e não descarte tudo. É assim que devemos agir no meio religioso.  É assim que vamos ser daqui para frente.

Autor: Maralvestos Tovesmar. Este texto está disponível nos termos da licença CC BY-NC-ND. Pode ser copiado e distribuído, informando o autor e o link seguinte, mas não pode ser modificado e nem comercializado. Data: 2013. Veja outras mensagens em http://livresdosfardosreligiosos.blogspot.com.br